Resenhas

sábado, 12 de novembro de 2016

[CINEMA] "ANIMAIS FANTÁSTICOS E ONDE HABITAM" | DAVID YATES VAI DIRIGIR AS QUATRO SEQUÊNCIAS

David Yates, diretor de "Animais Fantásticos e Onde Habitam", foi confirmado na direção das quatro sequências do filme. A informação é do The Hollywood Reporter.

Durante a premiere mundial do longa em Londres, na última quinta-feira (11), Yates revelou ter assinado contrato com a Warner Bros. para comandar todos os filmes da franquia: "Eu amo fazer filmes e eu tenho uma grande equipe, todos são como família".

J.K. Rowling, que faz a sua estreia como roteirista em "Animais Fantásticos e Onde Habitam", também deve escrever o roteiro dos próximos quatro longas. De acordo com David Yates, ela está "dando os retoques finais" no roteiro da sequência, que o cineasta diz ser "tão diferente deste [primeiro filme]. Muito mais assustador, como um sonho."

A sequência de "Animais Fantásticos e Onde Habitam" será ambientada em Paris e terá John Depp ('Piratas do Caribe') no papel do vilão Grindewald - que deve fazer uma breve aparição nesse primeiro filme.

"Animais Fantásticos e Onde Habitam" se passa em 1926, quando Newt Scamander (Eddie Redmayne) acaba de completar sua viagem pelo mundo para encontrar e documentar uma grande variedade de criaturas mágicas. Chegando em Nova York para uma breve parada, ele poderia ter chegado e partido sem nenhum incidente, se não fosse por um No-Maj (nome americano para Trouxas) chamado Jacob (Dan Fogler), uma maleta mágica aberta e a fuga de algumas criaturas fantásticas de Newt, que pode causar problemas tanto para o mundo dos bruxos, quanto para dos No-Maj.

Além de Redmayne e Fogler, o elenco conta também com Katherine Waterston, Alison Sudol, Colin Farrell e Ezra Miller. A produção é por conta de David Heyman, Steve Kloves e Lionel Wigram.

"Animais Fantásticos e Onde Habitam" estreia nos cinemas nacionais no dia 17 de novembro de 2016, enquanto sua sequência será lançada no dia 16 de novembro de 2018.

Os últimos três filmes estão programados para novembro de 2020, 2022 e 2024, respectivamente.

Nenhum comentário:

Postar um comentário