Resenhas

sábado, 1 de agosto de 2015

[RESENHA] "PROMETO FALHAR", DE PEDRO CHAGAS

Nome: Prometo Falhar
Autor: Pedro Chagas
Editora: Novo Conceito
Onde comprar: Buscapé

Livro enviado como cortesia pela Novo Conceito
Prometo Falhar é um livro que fala de amor. O amor dos amantes, o amor dos amigos, o amor da mãe pelo filho, do filho pela mãe, pelo pai, o amor que abala, que toca, que arrebata, que emociona, que descobre e encobre, que fere e cura, que prende e liberta.

Em crônicas desconcertantes, Pedro convida o leitor a revisitar suas próprias impressões sobre os relacionamentos humanos. A linguagem fluida, livre, sem amarras, faz querer ler tudo de uma vez e depois ligar para o autor para terminar a conversa .

Medo, frustração, inveja, ciúme e todos os sentimentos que nos ensinaram a sufocar são expostos sem pudores. Mergulhe de cabeça numa obra que mostra que é possível sair ileso de tudo, menos do amor. Você escolhe a ordem em que vai ler as crônicas do jovem escritor que tem 21 obras publicadas e é sucesso de vendas em Portugal.

Quantos tipos de amor existem? Quais são as maneiras de demonstrá-lo? Acredito que ‘diversas’ é a resposta certa para essas perguntas. São muitas as formas de amor e de amar e nem sempre tudo é tão lindo como nos filmes que assistimos e nas histórias que lemos. É justamente disso que Pedro Chagas fala em sua obra, mostrando com sensibilidade a força do amor.

“Prometo Falar” fez um enorme sucesso em Portugal e chega ao Brasil chamando a atenção da blogosfera. Esse é um livro de crônicas que não possui uma história definida e pode ser lido sem qualquer ordem definida - você pode começar pelo início, meio ou até mesmo pelo fim.

São vários textos e cada um traz alguma história que mostra um amor inspirador em sua forma imperfeita, que é o que o torna perfeito. O amor de pai para filho, de filho para pai, o marido que ama e mesmo assim trai, o marido que está sempre ocupado, a esposa que tenta manter o casamento mesmo diante dessa falta de atenção, uma paixão do trabalho, uma paixão por um hobby que se transforma em trabalho, uma paixão daquelas que começa no jardim de infância e dura uma vida inteira, o amor ‘minha felicidade é ver você feliz’, o amor não correspondido, entre outras situações.
“...havia sempre uma hora ideal para a felicidade e era sempre agora, o amor só existe quando alguém desiste de ser perfeito.”
“Prometo Falhar” é um livro perfeito para quem curte o gênero e também para aqueles que  estão em um momento difícil, precisando de uma palavra de conforto. Só porque é o príncipe encantado não significa que é ‘o cara’, nem sempre seu amor será correspondido, ter tudo o que você realmente precisa é o bastante para ser feliz e uma pedra sempre pode aparecer no caminho de ouro. Todos temos problemas e somos imperfeitos, e é preciso aceitar isso para conviver em paz e ser feliz. Pedro Chagas mostra que é da natureza humana falhar.
“tudo isso para te dizer que já quase fui milionário, basta uma casa cheia para nada nos faltar, e um milionário é isso mesmo,
um milionário é alguém que tem tudo o que quer, não é?”
Eu não vou dizer que recomendo o livro a todos porque “Prometo Falhar” tem o seu tipo de público. Crônicas não é o meu gênero e por isso demorei um pouco para terminar de ler, além do fato da ortografia que dificultou minha leitura. Eu não sei se foi a intenção do autor ou se é assim em Portugal, mas a pontuação do texto foi uma novidade que tornou lenta minha leitura. Para seguir em frente muitas vezes eu tive que voltar para o começo de uma frase (ou texto) e imaginar a pontuação nos lugares corretos, para entender o que o autor quis dizer.

“Prometo Falhar” será lançado no Brasil agora em agosto, mas os parceiros da Novo Conceito foram agraciados com a honra de receber o livro antes mesmo dele estar disponível nas livrarias – junto com um marcador super fofo e uma caixinha com algumas mensagens inspiradoras da obra.

A Novo Conceito está de parabéns com o trabalho feito e a escolha de lançar esse livro no Brasil. Não é o meu gênero, mas eu tenho que reconhecer que é uma obra brilhante e lendo consegui entender o porquê de tanto sucesso.
"é tão mais fácil não amar mas que merda andamos fazendo aqui se não amarmos?"

Clique aqui e baixe um trecho do livro, disponibilizado no site da NC.


4 comentários:

  1. Eu também leio poucas crônicas e quando eu comecei a leitura de Prometo Falhar eu fiquei encantada com algumas páginas, ainda não terminei mas espero poder gostar do livro como um todo (o estilo de escrita dele é realmente estranho para nós rs mas como adoro Saramago eu meio que já acho normal).

    Beijos
    Passaporte Literário

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu estranhei muito esse estilo de escrita. Não me lembro de já ter encontrado algo assim antes, então foi uma novidade. Mas acredito que consegui aproveitar bem a leitura e as mensagens que a obra passa. =D

      Excluir
  2. Eu gosto bastante de crônicas, e achei o livro bem interessante *-*
    Acho que ele vai para a minha listinha!
    Beijo

    primaveraagridoce.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Bom, se você gosta do gênero então o livro total vale o seu tempo. Vai fundo garota ;D

      Excluir