Resenhas

quarta-feira, 13 de janeiro de 2016

[NOVIDADES] ARQUEIRO ANUNCIA NOVO LIVRO DE NICHOLAS SPARKS

A Editora Arqueiro confirmou em suas redes sociais ter adquirido "See Me", o novo romance do autor Nicholas Sparks. O lançamento é previsto para abril.


Confira a capa estrangeira e a sinopse traduzida:

Veja-me como eu o vejo...

Colin Hancock está tendo sua segunda chance, sua melhor oportunidade. Com um histórico de violência e más decisões e a ameaça de prisão seguindo todos os seus passos, ele está determinado a andar na linha. Para Colin, isso significa submeter-se, única e exclusivamente, a tudo o que ele estudou e evitar tudo o que provou ser destrutivo em sua vida anterior. Lembrando-se diariamente de suas duras lições, a última coisa que ele está à procura é de um relacionamento sério.

Maria Sanchez, a filha trabalhadora de imigrantes mexicanos, é o retrato do sucesso convencional. Com um diploma da Duke Law School e um emprego em uma empresa de prestígio em Wilmington, ela é uma bela garota de cabelos escuros com uma trajetória profissional aparentemente impecável. E ainda assim, Maria tem sua própria história traumática, uma que obrigou-a a retornar para sua cidade natal e questionar muito do que ela se acreditava.

Um encontro casual em uma estrada vai alterar o curso das vidas de Colin e Maria, desafiando suposições profundamente mantidas um sobre o outro e, finalmente, sobre eles mesmos. Enquanto o amor toma conta deles de forma inesperada, ambos se atrevem a imaginar como um futuro juntos poderia se parecer... até que lembranças ameaçadoras de eventos do passado de Maria começam a ressurgir.

Conforme uma série de incidentes alarmantes provocam caos na vida de Maria, ela e Colin são testados de formas cada vez mais aterrorizantes. Será que os demônios de seus passados destruirão a relação tênue eles começaram a construir, ou será que o amor deles irá protegê-los, até mesmo no momento mais escuro?

Rico em emoção e cheio de suspense, "See Me" lembra-nos que o amor às vezes é forjada nas crises que ameaçam nos destruir... e que aqueles que podem ver quem realmente somos, podem não ser sempre os mais fáceis de reconhecer.

Nenhum comentário:

Postar um comentário