Resenhas

segunda-feira, 1 de fevereiro de 2016

[NOVIDADES] VERUS ADQUIRE "CALENDAR GIRL", SÉRIE ERÓTICA DE AUDREY CARLAN

"Calender Girl" é o mais novo sucesso literário do cenário internacional. A série erótica de Audrey Carlan foi lançada nos Estados Unidos no fim do ano passado e é um sucesso de vendas, tendo alcançado as primeiras posições das listas de mais vendidos, o que chamou a atenção das editoras de outros países. A disputa pelos direitos de publicação em outros territórios está acirrada, com as editoras fazendo leilões inacreditáveis para adquirir a série. 

No Brasil a Editora Verus, selo do Grupo Editorial Record, saiu na frente e em um negócio de seis dígitos comprou os direitos para publicar "Calender Girl". De acordo com o PublishNews, que divulgou a novidade, o valor foi superior a US$ 200 mil.

"Calendar Girl" conta a história de Mia Saunders, uma jovem que tem um ano para conseguir US$ 1 milhão e pagar as dívidas de seu pai. Para isso, ela aceita ser uma acompanhante de luxo e ao longo da história passa cada mês em uma cidade diferente. Com sua linguagem apimentada e inapropriada para menores de 18 anos, a história caiu no gosto do povo americano e promete fazer sucesso também no Brasil.

Nos Estados Unidos a Editora Waterhouse Press publicou um eBook a cada mês - sendo que cada um recebeu o nome do seu mês de lançamento - e a cada trimestre um livro físico reunindo três títulos da série.

Com todo esse sucesso, é claro que Hollywood já está de olho na história. Meire Dias, da agência Bookcase, responsável pela venda dos direitos internacionais da série, revelou que a “Waterhouse Press (editora norte-americana) já recebeu várias solicitações dos maiores estúdios e produtoras para direitos de TV e Cinema”.

Ainda não há previsão de quando o primeiro volume de "Calendar Girl" será lançado no Brasil e também não foi confirmado se a Verus planeja seguir a estratégia de lançamento dos Estados Unidos, lançando primeiramente os eBooks e depois reunindo três títulos em um volume impresso.

Nenhum comentário:

Postar um comentário